Equipamentos

Manutenção de equipamentos de topografia: por que realizar?

Escrito por CPE Tecnologia

A manutenção de equipamento é fundamental para assegurar a confiabilidade e a segurança de máquinas de qualquer negócio. Em áreas como a topografia, esse tipo de procedimento é mais importante ainda, principalmente pelo fato de os equipamentos serem essenciais para a realização de diversas tarefas.

Além de garantir o correto funcionamento, a manutenção de equipamento também é responsável pela conformidade do seu uso.

Não podemos deixar de mencionar que a falta desse zelo pode diminuir a durabilidade do equipamento, além de deixar os profissionais ociosos. Os prejuízos podem ser enormes, principalmente em relação ao cumprimento de prazos e da confiabilidade dos dados fornecidos.

Ficou interessado pelo assunto? Então, continue a leitura deste post e veja por que realizar a manutenção de equipamentos de topografia.

Qual a importância da manutenção preventiva?

A manutenção de equipamento de maneira preventiva deve ser realizada em intervalos determinados, levando em consideração as especificações do manual do fabricante. Obviamente, as intervenções são realizadas quando os equipamentos ainda estão funcionando, com a intenção de que eles permaneçam assim.

Pode-se dizer, inclusive, que a manutenção preventiva tem como principal objetivo reduzir a probabilidade de falhas e a degradação do equipamento. Assim, será possível garantir o pleno funcionamento das máquinas, com a performance ideal e evitando desgastes prematuros.

É importante destacar que a manutenção preventiva permite a previsão do consumo de materiais utilizados, pois os profissionais responsáveis saberão exatamente os itens que deverão ser trocados. Além disso, poderá haver uma redução de custos, uma vez que problemas de última hora acontecerão com menos frequência.

E o que é a calibração dos equipamentos? 

A calibração de equipamentos é o conjunto de ações que, sob condições específicas, estabelece uma boa relação entre os valores representados por uma medida de referência, estabelecida por certos padrões e os valores indicados por um instrumento de medição.

Em outras palavras, podemos dizer que calibrar um equipamento é colocá-lo em condições ideais de utilização. É válido destacar que a calibração deve ser realizada em vários equipamentos, principalmente os de medição.

Os resultados da calibração são expressos em um certificado, que pode fornecer informações importantes para a tomada de decisões, como a definição de correções a serem realizadas na medição.

Pode ser interessante definir um programa de manutenção de equipamento que contemple os critérios de calibração, as metodologias e a frequência de tais procedimentos.

Obviamente, a calibração e a manutenção devem ser programadas de acordo com as especificidades de cada equipamento, levando em consideração as recomendações do fabricante, o histórico de uso, a possibilidade de contar com equipamentos similares, entre outros fatores.

É importante destacar que a calibração é essencial para evitar erros nos dados de um levantamento, uma vez que essas informações são responsáveis por direcionar inúmeros aspectos de um projeto. Uma falha pode ser crucial, resultando em tomadas de decisões equivocadas, trazendo graves consequências para o empreendimento e, também, para os stakeholders.

Em serviços de topografia, errar o nível da água, por exemplo, pode gerar danos irreversíveis. Ela pode invadir propriedades e estradas, trazendo problemas para as obras. Na zona urbana, a topografia define, dentre outras coisas, a locação dos pilares e a fundação. Erros podem significar retrabalhos e altos gastos, não previstos.

Aferições periódicas

Aferições podem ser realizadas através da checagem de distâncias através dos equipamentos por meio da medição de uma já conhecida, verificando se o resultado informado pelo equipamento está dentro dos limites de tolerância.

Caso o equipamento apresente alguma diferença, pode-se contar com a assistência técnica oferecida pelos fornecedores, prestando o serviço de manutenção.

Como garantir as melhores condições de uso?

É preciso lembrar que alguns equipamentos de topografia ficam expostos ao acúmulo de poeira e à ação de intempéries climáticas. Mesmo que se conte com máquinas à prova d’água, não é recomendado deixá-los suscetíveis a essas ações.

O ideal é sempre mantê-los limpos e em condições perfeitas para o uso. Assim, será possível prestar um serviço de qualidade e que consiga atender às expectativas dos clientes.

É interessante prestar atenção ao envelhecimento dos componentes e o estresse mecânico que acomete as máquinas. Além disso, as mudanças de temperatura também podem comprometer as funções do equipamento, com o passar do tempo.

Por fim, mas não menos importante, é válido destacar que grande parte dos equipamentos de precisão são frágeis, precisando de cuidados específicos no transporte e em sua utilização. Preste atenção a esses pontos e evite maiores problemas.

Para garantir a regularidade e o sucesso na manutenção de equipamento é relevante contar com empresas especializadas no assunto. Cuide do seu investimento!

Gostou do nosso artigo? O que achou das informações sobre a manutenção de equipamentos? Se quiser ler mais textos sobre a sua área confira o blog da CPE Tecnologia.

Sobre o autor

CPE Tecnologia

Deixar comentário.

Share This