Equipamentos

4 coisas que você precisa saber sobre os equipamentos high end

Uma das áreas mais abrangentes do mercado é a topografia. Um topógrafo tem uma imensa gama de atividades que pode realizar, como levantamentos topográficos, elaboração de plantas e desenhos, georreferenciamento de imóveis rurais, fotogrametria, entre outros. O que todas essas atividades têm em comum? O uso de equipamentos high end.

Alguns são fundamentais para o desempenho de um serviço de qualidade, principalmente no mercado da topografia. É importante lembrar que a topografia é um dos primeiros serviços a serem executados em uma obra.

Assim, erros podem gerar sérios problemas. Imagine, por exemplo, os equipamentos laser scanner, que são utilizados para calcular volume em atividades de mineração. Um erro nesse cálculo pode fazer com que a empresa perca dinheiro ou superfature o processo.

Interessou-se pelo assunto? Então, continue a leitura deste artigo e veja 4 coisas que você precisa saber sobre os equipamentos high end. Vamos lá?

1. O que são equipamentos especiais de topografia? Em que situação eles são utilizados?

Existem alguns equipamentos convencionais de topografia que são bem conhecidos, como a Estação Total e o Teodolito. Entretanto, existem outros, modernos e com várias funcionalidades, que ainda são desconhecidos da maioria das pessoas.

Essas máquinas são chamadas de equipamentos high end ou equipamentos especiais. O principal diferencial se dá pela produtividade e o grande detalhamento na coleta de dados, permitindo maiores informações e, consequentemente, melhores resultados. Veja, a seguir, alguns dos principais equipamentos high end.

Laser scanner

Existem vários modelos de laser scanner, como o laser aéreo e o laser terrestre. O principal uso se dá pelas mineradoras, para a realização de cálculos de volume. Também pode ser empregado para o levantamento de edificações, quando se utiliza um laser scanner portátil.

O principal objetivo da sua utilização é prover maior precisão nos cálculos, maior qualidade nas atividades e redução do tempo. Esse equipamento é mais rápido e prático, levantando mais pontos do que a topografia convencional.

Drones

Os drones também são considerados equipamentos high end. O seu uso se dá na mineração, no levantamento topográfico, no georreferenciamento de imóveis rurais e no cadastramento de unidades.

No caso do georreferenciamento de propriedades rurais, por exemplo, pode-se utilizá-lo para delimitar as divisas inacessíveis do imóvel, facilitando o processo de cadastramento no INCRA (Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária). O seu uso é amplo incluindo inspeções e monitoramentos.

Ecobatímetro

O ecobatímetro é um equipamento utilizado para a realização da batimetria, estudo da topografia do leito de um rio ou lago. Existem dois modelos de ecobatímetro: embarcado e controlado remotamente.

Os equipamentos embarcados são colocados no barco, tirando um ponto a cada 5 metros, para conseguir realizar o levantamento do local. Já os equipamentos que são controlados remotamente são mais utilizados em áreas de difícil acesso, como uma barragem de rejeitos.

2. O que torna esses equipamentos especiais?

Esses equipamentos são considerados especiais por conta de uma série de fatores. Como já destacamos, a produtividade e o detalhamento na coleta de dados estão entre as principais vantagens desse tipo de equipamento.

Além disso, não podemos deixar de mencionar que os preços desses itens também merecem destaque. Eles são mais caros, mas a quantidade, a qualidade e a rapidez na informação fazem com que valham a pena.

A partir disso, pode-se dizer que todo o projeto se torna mais eficiente e mais preciso, aumentando a chance de o resultado final ser positivo. Um bom exemplo é o GPS RTK, um dos melhores equipamentos da topografia convencional.

A utilização desse tipo de máquina permite ao operador levantar um ponto a cada 30 segundos, dependendo do espaçamento entre as áreas. Em contrapartida, um laser scanner é capaz de ler 500 mil pontos por segundo. A diferença é gritante, não é mesmo?

3. Qual a diferença entre eles e os instrumentos comuns?

tecnologia agregada ao equipamento é a principal diferença entre os instrumentos convencionais e os especiais. É preciso deixar claro que a facilidade no manuseio e a flexibilidade na utilização são o principal foco no desenvolvimento de novos equipamentos para o setor.

Hoje em dia, já é possível encontrar aparelhos menores, com maior versatilidade e autonomia de tempo durante o uso no campo. Entretanto, um equipamento não consegue substituir o outro, ou seja, equipamentos convencionais ainda são necessários.

Obviamente, tudo depende da usabilidade e das atividades que a empresa precisa realizar. Existem alguns serviços, por exemplo, que o GPS consegue realizar, mas o drone não, como locações. Em contrapartida levantamentos em áreas de risco o uso do drone é recomendado.

É preciso deixar claro que todos os equipamentos têm o seu ponto forte, mas os high end são melhores. Contudo, a escolha mais acertada é aquela que vai ao encontro das necessidades e dos objetivos do negócio. Pense nisso!

4. Como escolher uma empresa adequada de que comprar esses equipamentos?

compra de equipamentos high end também é um processo que merece a devida atenção. Comprá-los em qualquer lugar pode representar sérios prejuízos para um negócio, pois o montante investido poderá não gerar nenhum benefício.

Sendo assim, é preciso escolher uma empresa adequada. O ideal é procurar uma companhia que ofereça um suporte de qualidade, com profissionais que sejam capazes de atender todas as suas dúvidas.

Certamente, será interessante pesquisar sobre a qualidade dos produtos. Existem algumas organizações no mercado que têm parcerias com grandes empresas, disponibilizando equipamentos high end da melhor categoria possível.

Deve-se procurar por companhias que tenham por objetivo se tornar parceiras do seu negócio, oferecendo flexibilidade comercial e técnica, mostrando que conseguem atender a diferentes demandas com uma gama variada de equipamentos.

Por fim, mas não menos importante, deve-se avaliar a sua reputação perante o mercado. Verifique o tempo de atuação, a expertise, a qualidade dos profissionais e a reputação da empresa. Pode ser interessante entrar em contato com quem já fez negócio e questionar sobre a qualidade dos serviços prestados. Caso tudo esteja em ordem, o investimento será um sucesso!

Os equipamentos high end, assim como outros recursos, são frutos do desenvolvimento tecnológico por que o mundo está passando. Eles se tornarão cada vez mais importantes para o desempenho das atividades, principalmente por conta do aumento da produtividade e da qualidade no resultado final. Não perca tempo e invista já nessa alternativa. Os benefícios serão impressionantes!

E aí, gostou do nosso artigo? O que achou dos equipamentos high end? São válidos? Quer ter acesso a outros assuntos como este? Então, assine nossa newsletter e fique por dentro de todos os nossos conteúdos. Não perca!

Sobre o autor

CPE Tecnologia

Deixar comentário.

Share This